terça-feira, 19 de outubro de 2010

A naúsea

nietzsche, kiekergaard
marx, sartre ou adorno
todos eles disseram,
pensaram coisas lindas.
mas pra que tentar
entender os mortos
se eu nem entendi
os vivos ainda?


tm

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

gim com tônica, gelo e vírgula.

nem mirra
nem ouro
nem feno
nada que
tenho hoje
eu tinha
tanto quanto
antes,
hoje
eu sou apenas
um pequeno
nesse mundo
de gigantes.
quero a fazer
a diferença
nesse mundo errante
mas nem se eu quisesse
bastante,eu fazia.
eu sou só um moleque,
um menino.
jogado as traças.
que bebe poesia
toma um pileque
do destino
e acha graça.

tm

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

vou declarar guerra
aos meus muitos defeitos
e tenho sérias pretensões
de vencer. o pior de tudo,
é que eu sei, que só depois
que se erra, que se consegue
aprender.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

no incrível mundo de thiago, a poesia virou prosa.

lá de fora , escuto vozes
afirmando que tudo que
nasce, morre e isso de alguma
forma assusta o povo.
mas não eu:
eu repetiria nossa
dose até ficar de porre
de novo.
não sei o porquê
mas isso é triste,
ninguem me fez
sentir como você,
depois que partiste.

não espero de jeito algum recuperar o nosso amor, por favor, não é isso.escrevo palavras e rimas sem nenhum compromisso.só não estou procurando ninguém que me ama,e ai lembro de nós dois e nossa sina,todo a paixão com tempero e drama, as idas e vindas. mas o romance só machuca depois que termina.e ai eu me pergunto, thiago, ainda? eu tento sair , mas toda vez que te vejo me bate um desejo de te ter,só pra me machucar. eu sei que vai ser assim, enquanto eu estiver aqui e você lá. mas por que tem de ser assim, tão criminoso? tudo parece tão fácil enquanto te faço esse faz gostoso! a vida engana e você também. não finja que me ama porque não me faz bem. mas se não for fingimento, que fique exposto, que nem propaganda.eu sempre estive disposto a um pouco mais de amanda.e se acaso me quiseres, estou sempre por perto, e ainda te lanço um desafio, se for pra ser juntos, que façamos dar certo.